Real Madrid coloca em prática planejamento que visa retorno técnico e financeiro ainda na atual temporada

Clube espanhol informa que jogará até o final do ano em seu próprio CT, acelerando assim reforma do Bernabéu por um custo menor que o estimado

real-madrid

Os alunos da Academia JHareias.Com sabem como poucos da importância de um Centro de Treinamento para uma boa gestão esportiva. Considerado um dos mais importantes pilares para um clube profissional, o espaço se mostra um diferencial para equipes que buscam o sucesso dentro e fora das quatro linhas.

Ainda que este conceito esteja consolidado, especialmente nos grandes centros, o Real Madrid acaba de provar que é sim possível elevar ainda mais o nível de relevância dos CT´s.

Com a paralização da La Liga, o clube tratou imediatamente pôr no papel um plano para que assim que a competição voltasse, os prejuízos fossem minimizados e as condições de retomada de crescimento fossem aceleradas. E foi exatamente isso que aconteceu. Nesta semana a Liga liberou os clubes para que realizassem sessões de treinamentos individuais. Além disso, o presidente da entidade confirmou a ideia da bola voltar a rolar até o dia 12 de junho.

Por já estar preparado, o clube Merengue não perdeu tempo e informou aos cartolas que não pretende utilizar o seu estádio, o Santiago Bernabéu, enquanto estiverem impossibilitados de contar com a presença de público nos locais das partidas. De acordo com o projeto, que já teria sido aprovado pela organizadora da competição, é que neste período o clube da capital irá antecipar as obras de modernização do seu principal palco, tendo em contrapartida uma redução de custo do empreendimento, já que não precisará dividir a empreitada em várias etapas, além é claro, da redução do tempo da execução da obra.

Já os seis jogos restantes da temporada como mandante, o Real Madrid informou que pretende levá-los para o estádio Alfredo Di Stefano, que fica localizado dentro do seu Centro de Treinamento de Valdebebas, também conhecido como a Cidade Real Madrid. Segundo a direção, todos os sócios torcedores serão reembolsados com os valores das partidas que ficarão impedidos de acompanhar ao vivo.

Atualmente o estádio é utilizado pelo Real Madrid Castilla, que disputa a terceira divisão espanhola e ganharia um reforço em seu sistema de iluminação e na estrutura de telões, placas de led para anunciantes e salas para árbitros do VAR.

Ao contrário do que muitos podem imaginar, o estádio apesar de pequeno, não deixa a desejar para muitos outros que estamos habituados a ver em ligas de menos prestígio. Mesmo assim, sua estrutura, que hoje em dia é capaz de receber até seis mil visitantes, já está projetada para ser ampliada para até 25 mil torcedores. Mas como receber torcedores não será um desafio do momento, o clube não pretende fazer nenhuma mudança nesse sentido nesta fase.

Apesar de bem mais acanhado, dentro das quatro linhas os atletas não sentirão tanta diferença do Bernabéu. A grama utilizada no campo do Alfredo di Stefano é exatamente a mesma do tradicional palco Merengue. Além disso, o sistema de aquecimento do gramado também se assemelha ao do principal estádio.

Inaugurado em maio de 2006 o local é considerado como uma arena multiuso ecologicamente correta. Todo o sistema de aquecimento de água é proveniente de energia solar e o estádio conta com uma central de controle totalmente unificada, assim como os principais estádios espanhóis, tidos como de primeiro nível.

Mesmo os profissionais que não atuam dentro de campo também não ficarão desamparados, segundo os dirigentes do time Blanco. O espaço já disponibiliza de dois estúdios de TV, que atenderão os profissionais de imprensa que forem ao local para cobrir os jogos. Além disso, os jornalistas também contarão com pelo menos dez cabines fixas de rádio, outros 32 pontos de comentaristas e 28 postos para imprensa escrita. O estádio também já conta com Sala de imprensa com acesso direto ao nível do campo de jogo com toda estrutura para a zona mista e salas de coletivas.
Toda essa estrutura também representará um ganho técnico para os jogadores, que já estão habituados a passarem as vésperas das partidas no local. Na mesma área do estádio ficam localizados os quartos dos atletas, providos de suítes individuais, TVs, e vista com varanda voltados para os campos de treinos.

Neste local, cada atleta tem total liberdade para decorar seu quarto de acordo com seu gosto pessoal, ainda que o clube disponibilize de todos os utensílios necessários. As visitas são proibidas por ali, mesmo assim a entrada do prédio conta com salas reservadas que servem para que os profissionais promovam reuniões privadas. Além das áreas individuais, o empreendimento oferece também sala de jogos, biblioteca, cinema, piscina e amplo salão com buffet para alimentação.

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email
Deixe um comentário:

Post recentes